3 maneiras de colocar a decoração sustentável em prática
25 de setembro de 2020
O que é considerado invasão da propriedade privada em condomínios?
30 de setembro de 2020

Segurança patrimonial de condomínio requer bom planejamento

Condomínios são vistos por muitas pessoas como a opção mais segura para se morar. De certa forma, essa informação não está errada. Entretanto, é preciso que haja, ainda assim, uma segurança patrimonial de condomínio bem planejada. Para saber mais, acompanhe o artigo!

O que é a segurança patrimonial de condomínio?

A segurança nos condomínios é algo de suma importância. Dentro dela, por exemplo, podem-se citar as normas, práticas, recursos humanos ou tecnológicos para proteger o local. Assim, zela-se pelas residências de uma forma estrategicamente planejada.

Em suma, esse tipo de serviço é ótimo para garantir o bem-estar de quem reside no local. Um exemplo muito claro é a presença de uma equipe de segurança junto às portarias dos condomínios. De fato, a segurança patrimonial de condomínio tende a ser a opção mais segura e efetiva.

Planejamento

Diferente do que muitos pensam, a segurança patrimonial é algo que demanda muita seriedade e complexidade. Afinal, ela é diferente de somente rondar ou cuidar de quem entra na portaria do prédio.

Na verdade, ela oferece serviços que sabem da necessidade de proteger o patrimônio do âmbito em que se encontra, no caso, a zona condominial. Por isso, algumas dicas para fazer um bom planejamento são:

  • Análise de movimentação externa e interna;
  • Estudo da estrutura física do ambiente (perímetros, entradas, sistemas, etc);
  • Conhecimento sobre os recursos eletrônicos utilizados.

O profissional responsável pela segurança patrimonial de condomínio precisa dominar e entender toda a estrutura do local. Assim, é possível realizar um serviço muito mais profissional e cuidadoso,  já que o conhecimento permite minimizar riscos, danos e demais problemas.

Implementação correta e adequada

Como é possível perceber, todas as práticas de segurança nos condomínios, principalmente a segurança patrimonial, exigem muito estudo. Além disso, também exigem medidas definidas para serem colocadas em prática.

A implementação pode ser feita de maneira mais simples do que o planejamento, já que se tem todo o estudo da estrutura nas mãos. Confira:

1. Sigilo

Algo que é muito importante e, infelizmente, nem sempre é respeitado, é o compartilhamento das informações para com desconhecidos ou até mesmo para moradores. É indispensável ter sigilo e seriedade para realizar a segurança patrimonial.

2. Envolvimento da comunidade condominial

Mesmo que os profissionais sejam devidamente treinados, é muito importante contar com o apoio dos moradores. Por isso, indica-se sempre passar regras claras e específicas sobre a implementação da segurança patrimonial. Por exemplo:

  • Comunicar a portaria sobre os visitantes;
  • Ajudar a manter a boa convivência;
  • Jamais repassar informações a desconhecidos;
  • Orientar empregados domésticos sobre a segurança do local.

3. Contar com equipe especializada

A melhor forma de realizar uma segurança patrimonial adequada é sempre contratar profissionais que tenham conhecimento. Um exemplo é a ASC Service. A empresa está há mais de 20 anos atuando em gestão condominial.

Dessa maneira, dominamos diversos assuntos e podemos ser uma peça-chave para garantir uma segurança patrimonial de condomínio de altíssima qualidade e eficácia. Como a segurança vem em primeiro lugar, saber com quem contar é fundamental e a melhor escolha para o bem-estar de todos os envolvidos. Entre em contato conosco hoje mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *