Guia Coronavírus em condomínios (1/6): limpeza de maçanetas e corrimões
8 de abril de 2020
Guia Coronavírus em condomínios (3/6): fechamento de áreas comuns
10 de abril de 2020

Guia Coronavírus em condomínios (2/6): limpeza de elevadores

A pandemia do novo Coronavírus, o Covid-19, está se alastrando rapidamente pelo nosso país. Com efeito, sua alta taxa de disseminação leva toda a sociedade a tomar medidas para deter esse avanço. Nos condomínios, por exemplo, a correta limpeza de elevadores faz parte dessas iniciativas.

Afinal de contas, o tráfego de pessoas, nesses espaços, é altíssimo. Tal circulação faz com que seja extremamente perigoso negligenciar sua correta higienização, com o álcool 70% e produtos específicos.

Os cuidados necessários

Como todos sabemos, os elevadores são locais de uso comum, que possuem uma espécie de enclausuramento, ou seja, não há saída de ar. Logo, não são apenas os profissionais de limpeza que devem se responsabilizar por deixá-los limpos.

Todos os condôminos devem evitar quaisquer tipos de resíduos ou lixos, sobretudo líquidos que, como tais, podem escorrer e danificar componentes eletrônicos, prejudicando a integridade dos equipamentos e, também, a segurança das pessoas.

Para que tudo saia da forma correta, é crucial que a limpeza do elevador seja feita com detergente neutro e água morna. A seguir, as superfícies devem ser secas com pano macio a fim de impedir o surgimento de manchas.

A frequência e os horários da limpeza de elevadores

É altamente recomendável selecionar um horário cuja circulação seja menor, preferencialmente, durante a noite. Se for viável, e se o condomínio tiver mais do que um elevador, interdite-o para que os funcionários de limpeza possam executar adequadamente os serviços.

Vale lembrar, ainda, que essa higienização deve ser realizada diariamente.

Especialização e definição dos funcionários

Escale um colaborador para que ele fique responsável pela higienização dos elevadores. Isso criará uma especialização maior do funcionário em questão, aprimorando a qualidade dos serviços prestados.

O ideal é que ele seja bem treinado e esteja ciente de todas as etapas necessárias para realizar uma limpeza eficaz. Além disso, treine um substituto a fim de ter a quem recorrer na eventualidade de sua ausência.

Manutenção e limpeza de espelhos

A limpeza dos espelhos deve se iniciar com um pano limpo e seco ou espanador, para que toda a poeira e detritos depositados em suas superfícies sejam retirados. Além da aplicação do álcool 70%, uma solução com detergente neutro deve ser utilizada por meio de um borrifador.

Lembre-se de que os produtos nunca devem ser aplicados diretamente nos espelhos, mas sobre o pano. Sem embargo, borrifar líquidos diretamente em espelhos pode prejudicar permanentemente a sua superfície.

Indicadores e botões

Uma vez que há botões de diversos tipos nos elevadores, o mais indicado é acionar o responsável direto pela manutenção para verificar, a cada caso, qual é o procedimento mais adequado.

É preciso tomar bastante cuidado na limpeza dos indicadores e botões, evitando o risco de que algum componente se queime. De forma geral, o melhor a se fazer é usar um pano umedecido levemente com sabão neutro, álcool 70% e água, mas sempre com prudência em relação às partes elétricas.

Cumpre ressaltar, por fim, que, além de assegurar a devida limpeza de elevadores, a ASC Service pode ajudar você, de modo simplificado, a contar com o auxílio de uma organização completa para a solução dos problemas centrais relativos à gestão de seu condomínio. Entre em contato conosco e saiba mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *