Itens essenciais para evitar incêndio: seu condomínio está preparado?
20 de junho de 2020
Exercícios para fazer em casa durante a crise da COVID-19
22 de junho de 2020

Como fazer corretamente a limpeza da caixa d’água no condomínio?

A limpeza da caixa d’água no condomínio deve ser feita com regularidade para garantir a segurança de todos. No artigo de hoje, apresentamos mais detalhes sobre esse assunto tão importante.

Quem deve fazer a limpeza da caixa d’água no condomínio?

De acordo com a lei, o síndico é o responsável por controlar a limpeza da caixa d’água no condomínio. Inclusive, caso a água esteja contaminada, ele pode ser penalizado judicialmente.

Entretanto, não é recomendado que o síndico realize a limpeza por conta própria. O ideal é que ele contrate uma empresa especializada que tenha o alvará da Vigilância Sanitária para realizar o serviço.

Para que o síndico possa analisar as empresas e saber se a desinfecção está sendo feita de forma correta no condomínio, é importante que ele conheça as normas da Portaria N° 2914 de dezembro de 2011. Essa portaria informa quais os procedimentos corretos para garantir a qualidade da água.

Como a limpeza e a desinfecção deve ser feita?

Em primeiro lugar, antes de iniciar a limpeza da caixa d’água no condomínio, é importante avisar a todos os moradores com antecedência, já que o procedimento deixará todos sem água por algumas horas.

A frequência de limpeza estabelecida pela lei é a cada 6 meses, bem como depois de qualquer manutenção na rede de água e esgoto da propriedade. O ideal é que o procedimento seja feito antes do início do inverno e do verão. Assim, a caixa d’água estará preparada para o uso mais intenso dessas épocas.

Depois de contratar uma empresa especializada, o zelador será o responsável por acompanhar o trabalho. Ele deve se certificar que os colaboradores da empresa terceirizada estejam com todos os equipamentos de proteção individual, a fim de protege-los e evitar a contaminação da água.

De forma geral, o procedimento é bem simples: depois de verificar a integridade interna e externa no reservatório, ele será esvaziado e limpo de acordo com as normas da ANVISA. Por fim, a caixa de água deve ser bem lacrada e o zelador deve anotar a data da limpeza e arquivar os documentos que provam a realização do procedimento de acordo com a lei.

Não se esqueça de realizar o teste de potabilidade!

Depois de realizar a limpeza da caixa d’água no condomínio, é importante fazer uma análise bacteriológica para verificar a eficiência do procedimento. Para isso, é necessário contratar um laboratório com certificação da Vigilância Sanitária e que tenha um responsável técnico capacitado.

A empresa contratada colherá uma amostra da água e fará uma análise físico-química para identificar a presença de germes, bactérias ou outros microrganismos nocivos ao ser humano. É aconselhável realizar essa verificação após cada limpeza da caixa d’água, sempre por uma empresa independente da que foi contratada para a desinfecção.

Por fim, sempre exija e guarde o laudo técnico que comprova que a água do condomínio é própria para consumo!

A ASC Service ajuda na limpeza e conservação do seu condomínio

Com a ASC Service, a limpeza da caixa d’água no condomínio pode ser realizada de forma eficiente. Acesse nosso site e saiba mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *