ASC BRIGADA CIVIL



Valoriza e protege o que é seu!

O cuidado com a vida dos colaboradores, bem como dos clientes de uma empresa é princípio básico para o bom andamento do negócio e consequente sucesso empresarial.

Os Bombeiros Militares costumam dizer que praticamente todos os incêndios poderiam ter sido evitados com um simples copo d'água. Exagero? Talvez! Mas é inquestionável que a prevenção é a principal ferramenta de conservação do patrimônio e cuidado com as pessoas.

A ASC Service fornece o serviço de Brigada Civil, com equipe devidamente treinada, equipada e especializada para garantir a segurança de seus clientes e colaboradores.

Dentre as várias funções atribuídas à brigada de incêndio, podemos destacar: prevenção e emergência.


ico_brigadista2

PREVENÇÃO

Analisar os riscos existentes na empresa; notificar ao setor competente as eventuais irregularidades encontradas no que tange à prevenção e a proteção contra incêndios; orientar o público, tanto interno quanto externo; participar das ações simuladas; conhecer o plano de emergência da edificação.


ico_brigadista_portafogo

EMERGÊNCIA

Identificar a situação; acionar o alarme e abandono da área; acionar o Corpo de Bombeiros; desligar a energia elétrica; realizar os primeiros socorros; combater ao princípio de incêndio, isolar a área com fita de segurança; recepcionar o Corpo de Bombeiros.


ico_brigadista2

É OBRIGADO TER BRIGADA DE INCÊNDIO?

Empresas com mais de 19 funcionários são obrigadas a instituírem uma brigada de incêndio. A forma de composição é a mesma das empresas com maior número de colaboradores, obedecendo a legislação.


ico_brigadistaNR23

O QUE A NR-23 EXIGE?

A Norma Regulamentadora nº 23 exige que todos os locais de trabalho devam ter: proteção contra incêndio; saídas suficientes para a retirada do colaborador em serviço; em caso de incêndio, equipamentos suficientes para combater o princípio de fogo; pessoas capacitadas para o uso correto dos equipamentos.

Além disso, a NR-23 dispõe de algumas medidas adequadas para a prevenção à incêndio, como revestimentos especiais para portas e paredes, construção de paredes corta-fogo, corredores de acesso e saídas amplas, sinalização, bem como extintores, saídas de emergência, condições de passagem, escadas, ascensores, porta corta-fogo, sistema de alarmes, classe de fogo, entre outros. Destes, podemos destacar alguns, como:
ico_brigadista_portafogo2

PORTA CORTA FOGO

Tem o objetivo de proteger a saída de emergência. Ela deve possuir uma barra “anti-pânico” como sistema de abertura, assim, só com a pressão das mãos sobre a barra é possível destravar e abrir a porta.


ico_brigadista_portafogo

SAÍDAS DE EMERGÊNCIAS

São obrigatórias. A quantidade e a posição delas devem ser definidas por meio de uma avaliação técnica realizada por um engenheiro ou arquiteto.


ico_brigadista_extintor

EXTINTORES

São obrigatórios e devem ser conferidos regularmente. O especialista técnico é quem calcula a quantidade do dispositivo e onde ele deve estar instalado.


ico_brigadista_detectorfumaca

DETECTOR DE FUMAÇA

É acionado automaticamente um alarme sonoro quando houver a existência de um incêndio. Ele pode estar ligado diretamente com o Corpo de Bombeiros, que é acionado com um sinal de emergência. Porém, o detector não é obrigatório em todos os Estados.